CÃO ESTRANGEIRO

[...]

(à volta de, fotograficamente)


O Obturador controla, com
engenho e arte, o tempo de exposição à luz e revela a prova de Autor, assina-a, do crime ao castigo. Fecha-se a cortina no teu focinho espantado, os olhos incendiados, a boca escancarada, o sangue lento no coração.


- Ricardo Álvaro
in AAVV, Nós, os desconhecidos,
org. de Daniela Gomes e Rui Pires Cabral, Lisboa, Averno 2012




Comentários